curso de mídia online
Curso de Mídia Online. Por que fazer?
16 de julho de 2018
ferramentas de marketing digital
Ferramentas de Marketing Digital que podem ajudar o seu negócio a crescer
20 de julho de 2018

Curso de Virtualização com VMware e seus Componentes

Curso de Virtualização com VMware

Antes de falarmos sobre o Curso de Virtualização com VMware, vamos entender alguns conceitos fundamentais primeiro. Afinal, nós falamos tanto em virtualização nos dias de hoje, e quando falamos em virtualização não tem como não falarmos da VMware. Principal e pioneira na arte de virtualização. Embarque conosco na Virtualização VMware e seus componentes.

Virtualização?

Afinal, o que é virtualização? Todo mundo fala e a tecnologia está aí, evoluindo cada vez mais. Virtualização, eu costumo falar, que é a arte em fazer um servidor físico comportar-se como se fosse um ou mais servidores, onde cada um destes servidores virtualizados acessem e compartilhem a mesma arquitetura física compartilhando os recursos computacionais físicos.

Essas informações são aprofundadas no Curso de Virtualização com VMware.

Porque Virtualizar?

A virtualização é um grande benefício que nos traz enormes vantagens para a infraestrutura de servidores, entre os principais benefícios podemos listar:

  • Redução de Custos – Consolidando e reduzindo servidores físicos temos uma redução de custo efetiva;
  • Portabilidade – Leve seus servidores para qualquer lugar, sem downtime!
  • Gerenciamento – Gerencie completamente seu datacenter através de software;
  • Eficiência – Com a gestão do datacenter, provisione ambientes mais rápido;
  • Plena utilização dos Recursos – “Do more with less!”.

Essas informações são aprofundadas no Curso de Virtualização com VMware.

Quando Virtualizar?

  • Consolidação de Servidores – Reduza os servidores físicos e virtualize os ambientes utilizando a carga computacional ociosa;
  • Suporte a Aplicações Legadas – Virtualize ambientes e aplicações legadas sem suporte de software, garantindo uma continuidade da aplicação
  • Suporte a Sistemas Operacionais Múltiplos – Virtualização “Sandbox”, virtualizando diversos tipos de Sistemas Operacionais, desde Windows, Linux, BSD, MacOS e entre outros;
  • Demo de Softwares – Crie ambientes de demonstrações e homologação de softwares sem a necessidade de aquisição de hardware
  • Desenvolvimento e Testes – Crie ambientes de desenvolvimento e testes para sua equipe de Dev;
  • Treinamento Técnico – Desenvolva ambientes para treinamentos para suas equipes;
  • Continuidade de Negócios – Com a virtualização a possibilidade de criação sites de Disaster Recover para continuidade de negócios se torna totalmente acessível;
  • HoneyPot – Crie ambientes controlados para aumentar sua camada de segurança de rede.

Essas informações são aprofundadas no Curso de Virtualização com VMware.

Sobre o VMware vSphere e o ESXi

Primeiramente, temos que ter a clareza que o produto VMware vSphere é a solução comercial de virtualização da VMware.

O vSphere engloba diversos componentes para que a sua virtualização seja completa e totalmente efetiva.

  • VMware ESXi – O VMWare ESXi oferece uma camada de virtualização que abstrai os recursos de hardware do servidor e permite o compartilhamento destes
    recursos entre várias máquinas virtuais.
  • VMware vCenter – O vCenter Server permite o gerenciamento unificado de todos os hosts vSphere e máquinas virtuais no data center a partir de um único console. Além disso, possibilita o gerenciamento unificado de todos os hosts e máquinas virtuais em um data center a partir de um único console, permitindo aprimorar o controle, simplificar as tarefas de gerenciamento e reduzir a complexidade e o custo de gerenciamento dos ambientes virtualizados.

Essas informações são aprofundadas no Curso de Virtualização com VMware.

Principais recursos e componentes VMware vSphere

  • O vMotion – Permite migrar uma VM de um host para outro com a máquina virtual em funcionamento sem interrupção do serviço. Este recurso é bastante útil, por exemplo, para realizar manutenção em servidores virtualizados, por meio da migração das máquinas virtuais para um outro host.
  • O vSphere DRS – O Distributed Resource Scheduler (DRS) é o balanceamento de carga da vSphere. Com ele ativado, o VMware identifica quando as cargas de trabalho de um host superam seus recursos de processamento ou memória (host sobrecarregado) e automaticamente migra as máquinas virtuais para outro host adequado.
  • O vSphere HA – O recurso de alta disponibilidade (HA) quando ativado o VMware HA identifica falha no hosts ESXi, tanto de hardware como de software, e após a detecção faz a migração das VMs do host com problema para um outro host disponível.
  • VMware Fault Tolerance – Quando o FT é ativado para garantir a maior disponibilidade das VMs que não puderem ficar indisponível, nem que seja por poucos minutos. Ao ser ativado VMware Fault Tolerance cria uma cópia da VM em outro host, e esta cópia é mantida sincronizada junto com a original.

Essas informações são aprofundadas no Curso de Virtualização com VMware.

Quer conhecer mais sobre virtualização VMware e estar capacitado com o que o mercado de tecnologia busca? Faça já um Curso de Virtualização com VMware da Trainning.

Durante o curso o aluno aprenderá sobre Máquinas virtuais, VMware vCenter Server, configurar e gerenciar redes virtuais e gerenciar armazenamento do vSphere, gerenciamento de máquinas virtuais, controle de acesso e autenticação, gerenciamento e monitoramento de recursos, proteção de dados, alta disponibilidade e tolerância para falhas, escalabilidade, gerenciamento de patches, instalação de componentes do VMware vSphere. No final deste treinamento, o aluno terá uma compreensão das principais funcionalidades do vSphere e ser capaz de executar as seguintes atividades:

  • Instalar e configurar o ESXi
  • Instalar e configurar os componentes do vCenter Server
  • Configurar e gerenciar rede e armazenamento no ESXi usando o vCenter Server
  • Implantar, gerenciar e migrar máquinas virtuais
  • Gerenciar o acesso do usuário à infraestrutura VMware
  • Usar o vCenter Server para monitorar o uso de recursos
  • Usar o vCenter Server para aumentar a escalabilidade
  • Usar o VMware vCenter™ Update Manager para aplicar patches no ESXi
  • Usar o vCenter Server para gerenciar maior disponibilidade e proteção de dados

Gostou do conteúdo? Compartilhe agora mesmo!
Bruno Maragoni.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *